segunda-feira, 22 de julho de 2013

O aborto como política de estado

Depois de um ano da lei que descriminalizou o aborto no Uruguai, não há sequer um registro de morte entre mulheres que optam pelo procedimento. Entrevista com a psicóloga Catarina Gewehr, realizada durante o programa Campo de Peixe. Rádio Campeche.

Um comentário:

Larissa Bertoldi Damarini disse...

Pois é, agora o aborto se tornou uma política pública no Brasil, mas já há parlamentares e partidos se movimentando para que esse cenário mude de uma vez por todas. Um exemplo disso é o pastor Everaldo Pereira,que vem trabalhando contra o aborto. Dá uma olhada na fanpage dele: www.facebook.com/everaldopereira20. Vale a pena!